Blefaroplastia

Renove seu Olhar.
O Sonho da Blefaroplastia ao Seu Alcance

Agende sua consulta

Por Dr. André Ahmed

Saiba o que é Blefaroplastia, como é feita e quais são suas indicações

Blefaroplastia no Rio de Janeiro

A Blefaroplastia é a cirurgia plástica que melhora a aparência das pálpebras superiores e inferiores, rejuvenescendo a região em torno dos olhos.
O que é a Cirurgia de Blefaroplastia?

A Blefaroplastia é a cirurgia plástica que melhora a aparência das pálpebras superiores, das pálpebras inferiores, ou de ambas, eliminando bolsas de gordura, rugas, flacidez e com isso rejuvenescendo a região em torno dos olhos.

Outros nomes utilizados para o procedimento.

• Cirurgia das pálpebras.
• Cirurgia pálpebras inferiores.
• Cirurgia pálpebras superiores.
• Plástica das pálpebras
• Cirurgia Plástica das pálpebras

Para quem é indicado o procedimento?

O excesso de pele nas pálpebras e o mau posicionamento da gordura contida nessa região são uns dos fatores que mais conferem o aspecto envelhecido a um indivíduo. A blefaroplastia superior e/ou inferior, ao corrigir essas características, oferece um importante ganho para o rejuvenescimento.

Os resultados são excelentes, com cicatrizes quase imperceptíveis, pois a pele da pálpebra apresenta cicatrização de ótima qualidade. De fato, é incrível o aspecto de rejuvenescimento adquirido por quem se submete a uma blefaroplastia. Essa cirurgia pode ser feita sob anestesia local, com ou sem uma sedação leve, dependendo do paciente.

Com o processo de envelhecimento, ocorre a flacidez de pele nas pálpebras.
Esse é um quadro também chamado de dermatocalaze ou blefarocalaze.

O excesso de pele nas pálpebras leva a um olhar cansado, que carrega o estigma do envelhecimento, também pode prejudicar a visão em casos mais avançados, em que a pele excedente chega a comprometer parcialmente o campo visual.

Alguns casos também podem se apresentar com ptose palpebral, que é a queda da pálpebra como um todo, de maneira que a posição da borda ciliar se encontra mais baixa do que o normal.
Muito comum também a presença de bolsas de gordura mal posicionadas tanto na pálpebra superior quanto na pálpebra inferior.

Pessoas com esse problema ficam com um semblante cansado, e esse é um dos motivos que as fazem procurar uma solução. E essa solução muitas vezes é mais fácil do que se imagina!

Com uma cirurgia de palpebras, ou blefaroplastia, elas voltam ao seu devido lugar e eliminam a aparência de cansaço no paciente.

O que é blefaroplastia?

A blefaroplastia é a cirurgia que retira o excesso de pele nas pálpebras, além de também posicioná-las no lugar correto, diminuindo, assim, a aparência envelhecida e cansada.

Com a plastica das palpebras, o cirurgião também pode definir se é necessário retirar o excesso de gordura que, principalmente, as pálpebras inferiores podem apresentar. Esse é um procedimento conhecido entre os cirurgião plásticos como ressecção de bolsas adiposas.

A cirurgia de pálpebras pode ser feita de 3 maneiras distintas:

• Na pálpebra superior, também conhecida como blefaro superior;
• Na pálpebra inferior, chamada de blefaroplastia inferior;
• Nas duas.

Caso a pessoa queira um efeito de rejuvenescimento mais completo, há a possibilidade da aplicação de botox (toxina botulínica) associado à blefaroplastia.

Dependendo do planejamento e intenção do(a) paciente, outras cirurgias podem ser combinadas à blefaroplastia, como o lifting facial (facelift) e/ou suspensão do supercílio (ou sobrancelha).

Quando a cirurgia de blefaroplastia é indicada?

Muitas pessoas acabam pensando que a blefaro é procurada apenas para resolver uma questão estética. Contudo, a cirurgia também tem outra finalidade: a funcional.

A seguir, entenda qual a diferença entre as duas:

• Finalidade funcional: quando a pele das pálpebras está em excesso, ela pode cair sobre os cílios do paciente, causando a sensação de peso, cansaço e atrapalhando a visão.
• Finalidade estética: para quem procura um rejuvenescimento facial, a blefaroplastia pode ser uma solução também, pois ajuda a diminuir o processo natural do envelhecimento facial.

A cirurgia de pálpebras é normalmente indicada a partir dos 40 anos e tem como finalidade os seguintes pontos:

• Remover o excesso de pele ou gordura das pálpebras;
• Subir as pálpebras.

Se você tem menos de 40 anos e já se incomoda com algum grau de dermatocalaze, fique tranquilo. A cirurgia também pode ser feita em pessoas mais novas, principalmente se o problema está relacionado com fatores genéticos.

Para saber se essa é a solução mais adequada, o melhor a se fazer é marcar uma consulta com um cirurgião plástico de confiança – como o Dr. André Ahmed.

Qual cirurgião procurar?

Muitos médicos se propõem a realizar a cirurgia blefaroplastia, mas o mais indicado é que você converse com quem é especialista na área.

Isso é importante ressaltar porque quando tratamentos na região dos olhos são mal feitos, uma aparência artificial pode surgir e, inclusive, prejudicar a visão. E esse tipo de resultado ninguém quer ter, certo?

Caso você decida realizar a cirurgia com o Dr. André Ahmed, saiba que ele tem bastante conhecimento para fazer não só essa modalidade de cirurgia plástica.

Médico formado pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), o Dr. André também fez residência em cirurgia geral no Hospital Geral de Ipanema e, posteriormente, seguiu para a área de cirurgia plástica no Hospital Barata Ribeiro, escola do Prof. Ivo Pitanguy.

Ao realizar uma cirurgia blefaroplastia, você terá uma rápida recuperação e um breve retorno às atividades cotidianas.

O pré-operatório

O primeiro passo para que uma blefaroplastia seja feita, é agendar uma consulta com o cirurgião plástico escolhido. No caso do Dr. André Ahmed, o consultório fica localizado no bairro de Ipanema, no Rio de Janeiro, e você pode agendar um horário ligando para (21) 2214-1866.

Na consulta inicial, uma bateria de exames será solicitada, para verificar se o paciente está em condições de enfrentar uma intervenção cirúrgica. Além disso, você também poderá tirar todas as suas dúvidas referentes à cirurgia plástica das pálpebras, como valor e tempo de recuperação.

Algo que as pessoas sempre querem ver é fotos da blefaroplastia antes e depois. Como não é permitido a divulgação dessas imagens na internet, o Dr. André as mostra apenas em seu consultório. Portanto, você também terá acesso a elas no momento da consulta.

Fora isso, algumas outras considerações são passadas ao paciente nessa primeira consulta, tais como:

• Em caso de qualquer anormalidade na região próxima às pálpebras, informar imediatamente a equipe médica;
• Retirar toda a maquiagem do rosto no dia anterior à cirurgia;
• Não fazer maquiagem no dia da internação;
• Comparecer acompanhado no dia da cirurgia;
• Trazer óculos escuros (será usado assim que a alta acontecer);
• Jejum de 8h, inclusive de água;
• Evitar medicamentos com AAS (ácido acetil salicílico) até 15 dias antes da cirurgia.

Outras solicitações poderão ser feitas a você, pois elas variam de pessoa para pessoa.

Como é feita a cirurgia de palpebras?

A blefaroplastia dura em torno de 40 minutos a 1 hora e é feita, na maioria das vezes, sob anestesia local e sedação.

Para que a cirurgia seja realizada, primeiro o médico delimita a região que será mexida – isto é, se na pálpebra superior, na inferior ou nas duas. Depois, os cortes são feitos, a fim de retirar o excesso de pele e gordura (caso exista). Feito isso, a pele é suturada (costurada) com pontos delicados.

Em pessoas mais jovens, que normalmente não têm excesso de pele, e sofrem com aquelas bolsas de gordura protuberantes na pálpebra inferior, a blefaroplastia inferior transconjuntival pode ser feita. Basicamente, essa cirurgia é realizada com uma incisão na conjuntiva da pálpebra inferior (parte interna da pálpebra) para retirar o excesso de gordura da região. A retirada dessas bolsas adiposas melhora demasiadamente o aspecto das pálpebras inferiores, sem necessariamente que haja nenhuma incisão na pele. A cicatrização na conjuntiva ocorre normalmente sem nenhum problema na blefaro inferior transconjuntival.

As técnicas cirúrgicas

Para que a cirurgia de pálpebras seja feita da melhor maneira, existem dois tipos de técnicas.

São elas:

Blefaroplastia inferior

A blefaroplastia inferior é a cirurgia procurada por quem tem flacidez cutânea e/ou bolsas de gordura em pálpebra inferior, e ela pode ser tanto interna quanto externa.

No caso da interna (transconjuntival), o médico vai afastar as pálpebras do paciente com um afastador, usando também um protetor ocular, para fazer a incisão na conjuntiva (a parte interna da pálpebra, que fica em contato com o globo ocular). Depois, a gordura em excesso será removida e, por fim, realiza-se a sutura.

Já na blefaroplastia inferior externa, ou transcutânea, a incisão é feita primeiro na prega das pálpebras e, posteriormente, na camada muscular. Dessa forma, a gordura orbital é acessada e retirada. Ao finalizar, as suturas necessárias são feitas. Nessa modalidade, o excesso de pele também pode ser removido, após descolamento da mesma.

Blefaroplastia superior

A blefaroplastia superior é focada em retirar outros elementos que estejam prejudicando a estética ou a visão do paciente, no que se refere à pálpebra superior. Aqui, incisões são feitas na pele (para retirada do excesso de pele, com tratamento da flacidez), músculo orbicular do olho, no septo orbital (que fica abaixo da camada muscular) para que os depósitos de gordura possam ser acessados.

Depois de modelar o local com a retirada de pele e gordura, o cirurgião faz a sutura.

Como é o pós-operatório?

Depois que a blefaroplastia é feita, é normal que inchaços e hematomas surjam ao redor das pálpebras. Para amenizar isso, é indicado usar compressas geladas e elevar um pouco a cabeceira da cama, pois isso ajuda a minimizar esses sinais.

A recuperação da cirurgia de pálpebras leva em torno de duas semanas e algumas questões precisam ser consideradas durante esse período:

• Dormir de barriga para cima e com o travesseiro sob o pescoço e o tronco – assim, sua cabeça fica mais elevada que o corpo – nos primeiros dias;
• Utilizar óculos escuros quando sair de casa;
• Não utilizar maquiagem na região dos olhos;
• Não coçar os olhos;
• Passar protetor solar para que as cicatrizes não fiquem escuras.
• Evita sol por 2 meses

Dr. André Ahmed, quando os pontos são retirados?

Durante o processo de recuperação, você vai precisar voltar ao médico para retirar os pontos – geralmente removidos entre 5 e 7 dias depois da cirurgia.

Mesmo esses pontos sendo extremamente finos e internos, é necessário removê-los para que reações inflamatórias não aconteçam.

E os resultados? Quando começam a aparecer?

Depois de 15 dias você já pode ver os primeiros resultados da blefaroplastia. Mas atenção: os resultados definitivos são percebidos apenas depois de 3 meses.

Localização da cicatriz

A pele da pálpebra não é espessa, então isso faz com que a cicatriz da cirurgia fique disfarçada nos sulcos da pele e de excelente qualidade

Quando a cirurgia é feita na pálpebra superior, a cicatriz fica escondida no sulco palpebral. Agora, quando ela acontece na pálpebra inferior, a cicatriz fica logo abaixo da linha ciliar, bem escondida.

Tag de busca: blefaroplastia antes e depois cicatriz – a pálpebra é uma das regiões do corpo com melhor qualidade estética de cicatriz.

Complicações e riscos

A cirurgia de palpebras é uma cirurgia de baixo risco de complicações, ocorrendo apenas inchaços e hematomas na região dos olhos, como alertado anteriormente.

Benefícios da blefaroplastia

A blefaroplastia é um procedimento cirúrgico muito satisfatório e, além do resultado estético, traz outros benefícios funcionais ao paciente.

Descubra quais são:

Diminui o peso das pálpebras
Por conta do excesso de pele e também de gordura na região das pálpebras, não é raro que a pessoa sinta um peso sobre elas e, consequentemente, alguns danos causados na córnea.

Ao realizar a cirurgia de pálpebras, a elevação das pálpebras é permitida e melhora consideravelmente o sistema ocular.
Quando o excesso de pele tampa a visão, a blefaroplastia é a solução para a ampliação do campo visual.

Melhora a autoestima

Muitas vezes, uma pessoa com flacidez palpebral sente sua autoestima comprometida. Dessa forma, quando a blefaroplastia é feita, não só a estética dela é modificada, mas também a autoconfiança é devolvida.

Existem contraindicações para essa cirurgia?

Da mesma maneira que a cirurgia de pálpebras é indicada para algumas pessoas, ela pode não ser recomendada para outras.

Algumas das restrições para a blefaroplastia são:

• Ter diabetes ou hipertensão descontrolada;
• Apresentar problemas oculares graves;
• Estar com alguma infecção em andamento.

É por isso que é fundamental a consulta inicial com um cirurgião, pois é ele quem irá te dizer se você pode ou não se submeter ao procedimento.

Quanto custa para fazer uma blefaroplastia?

A blefaroplastia valor pode variar de acordo com a sua condição.

De toda forma, para saber qual é o preço que você irá pagar, é preciso ter uma primeira consulta com o cirurgião plástico responsável pela cirurgia. Nela, você vai poder saber os valores e também as formas de pagamento.

Como não há a possibilidade da divulgação blefaroplastia preço pela internet, por conta do Código de Ética Médica ditado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e também pelo Regimento Interno da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), é muito importante que você marque uma avaliação presencial com o Dr. André Ahmed.

Assim, ele vai poder analisar o seu caso, indicar qual o procedimento mais adequado e te passar o preço corretamente.

Faça a sua blefaroplastia com o Dr. André Ahmed!

Muitas pessoas ainda se sentem inseguras com a cirurgia de palpebras por não saberem exatamente blefaroplastia o que é. Por conta disso, proporcionar conteúdos completos e de qualidade é fundamental para que cada vez mais pacientes possam encontrar na blefaroplastia a solução que procuram.

Se você tem vontade de resolver seu problema com pálpebras caídas, marque uma consulta com o Dr. André Ahmed. Ele irá te atender com todo o profissionalismo que você merece, além de te proporcionar uma cirurgia plástica com qualidade.



Outros Procedimentos

Agende sua consulta

Dr. André Ahmed - Experiência e Credibilidade